Museu Carlos Machado

Voltar

DOCUMENTOS

DOCUMENTOS

Carlos Maria Gomes Machado

O fundador do Museu, Carlos Maria Gomes Machado, nasceu em Ponta Delgada, na freguesia da Matriz, no dia 4 de Novembro de 1828. Depois dos seus primeiros estudos na ilha de S. Miguel, matriculou-se na Universidade de Coimbra, onde se licenciou em Medicina, no ano de 1859, tendo exercido esta profissão durante muito pouco tempo.

Por incumbência governamental, fez explorações botânicas no país e organizou herbários para os Museus de Coimbra e Lisboa. Em 1866, sob os auspícios da Academia das Ciências, publicou o Catálogo Metódico das Plantas Observadas em Portugal.

Em 1873, foi transferido para o Liceu Nacional de Ponta Delgada, onde foi reitor e professor de História Natural. Nesta cidade, desempenhou também as funções de Provedor da Santa Casa da Misericórdia, Vogal da Junta Geral do Distrito de Ponta Delgada e Governador Civil. Notabilizou-se, contudo, como naturalista e como fundador do Museu Açoreano.

A partir de 1876, Carlos Machado desenvolve múltiplos esforços no sentido da criação do Museu, como é exemplo o ofício que dirige ao Governador Civil, datado de 19 Novembro desse mesmo ano, onde expõe os seus argumentos: «[...] A nossa posição geográfica interposta entre a Europa, América e África dá a este arquipélago uma feição especial, que muito interessa aos naturalistas: vários têm vindo estudá-la, e entre outros principalmente Mousson, Hochstetter, Drouet, Morelet, Hartung, Reiss e Godman; mas fazendo só uma pequena estação de 2 a 4 meses, como é possível percorrer e estudar 9 ilhas? É esta a razão por que alguns ramos estão ainda mal estudados, outros completamente desconhecidos, como são, por exemplo, os habitantes do mar. De que vantagem não seria pois coligir num local único os seres do reino animal, vegetal e mineral, que habitam estas ilhas e oferecê-los assim, em pouco tempo, ao exame e observação dos naturalistas, que ainda aqui aportam, facilitando-lhes o progresso e adiamento das ciências naturais? Daqui a ideia da criação de um museu açoreano, cuja necessidade e vantagens V. Exa. reconheceu. [...]»

O empenhamento do Dr. Carlos Machado culminou com a inauguração do Museu Açoreano, a 10 de Junho de 1880, por ocasião da comemoração do tricentenário da morte de Luís de Camões. Por esta iniciativa, foi agraciado com a comenda da Ordem de S. Tiago.

Carlos Maria Gomes Machado faleceu, em Ponta Delgada, a 22 de Abril de 1901.

As colecções de História Natural do Museu Carlos Machado, reunidas numa época marcada pela divulgação da Teoria da Evolução das Espécies de Darwin e pelas campanhas científicas do Príncipe Alberto do Mónaco e do Rei D. Carlos, constituem um património histórico revelador do espírito científico do final do séc. XIX e do interesse pelos Açores demonstrado pelos naturalistas da altura.

[JPC]

Governo dos Açores, Presidência do Governo, Direcção Regional da Cultura Direcção Regional da Cultura Museu Carlos Machado
MUSEU CARLOS MACHADO
Núcleo de Santa Bárbara
9500-105 Ponta Delgada
Tel. 296 20 29 30/31
Fax. 296 20 29 39
Email: museu.cmachado.info@azores.gov.pt
Símbolo de Acessibilidade na Web [D]

SÍTIO WEB OPTIMIZADO PARA:
800x600 e 1024x768
Internet Explorer 6.0 ou superior
Firefox 2.0 ou superior