Museu Carlos Machado

Voltar

Arte Sacra

Ciclo da vida de Santo Inácio de Loyola

Autor desconhecido
Séc. XVII (final) / XVIII (inicio)
Óleo sobre tela
126 X 126 cm (cada)
MCM5697 / 5701

Na imagem: MCM5700

Em Detalhe »

Na Sacristia da antiga Igreja do Colégio dos Jesuítas, atualmente Núcleo de Arte Sacra do Museu Carlos Machado, o arcaz do séc. XVII - peça de mobiliário, executada em madeiras exóticas, que servia para guardar alfaias e paramentos litúrgicos - ostenta no seu espaldar cinco pinturas a óleo sobre tela, que ilustram cinco episódios cruciais da vida de Santo Inácio de Loyola (1491-1556), fundador e principal impulsionador da Companhia de Jesus.

A primeira pintura desta série regista o acontecimento da vida de Santo Inácio que terá marcado o momento de viragem da sua fé, levando-o a consagrar a vida inteiramente a Deus. Esta mudança ocorre aquando da sua miraculosa cura, operada por interseção de São Pedro, que lhe terá aparecido em sonho durante o longo período de enfermidade devido aos graves ferimentos de guerra que lhe foram infligidos na luta contra os franceses, no cerco à cidade de Pamplona, em 1521.

A segunda pintura revela a visão de Santo Inácio a caminho de Roma, em 1537, quando orava na capela de la Storta. Cristo ter-lhe-á aparecido, a carregar a cruz e a prometer: "Eu em Roma vos serei propício", levando o Santo a sentir-se ainda mais comprometido com Cristo e com os seus companheiros, passando a entender o seu grupo como Companhia de Jesus - verdadeiros soldados de Cristo, alistados "debaixo de sua bandeira", para se empregarem no serviço de Deus e na ajuda ao próximo.

A terceira pintura ilustra o período em que Santo Inácio de Loyola, sob inspiração da Virgem Maria, escreve os "Exercícios Espirituais" que, com as "Constituições", irão ditar as diretrizes da Companhia de Jesus - o primeiro, sobre a parte espiritual e individual e o segundo, sobre a vida em grupo, isto é, a organização da Ordem e a vida de seus membros.

A quarta pintura da série figura Santo Inácio e os seus companheiros a receberem do Papa Paulo III, em 1540, na cidade de Roma, a aprovação da regra e confirmação da Ordem. A quinta e última pintura do ciclo da vida de Santo Inácio de Loyola representa a sua morte, em Roma, rodeado pelos companheiros, como terá sido seu desejo.

[AF]

Governo dos Açores, Presidência do Governo, Direcção Regional da Cultura Direcção Regional da Cultura Museu Carlos Machado
MUSEU CARLOS MACHADO
Núcleo de Santa Bárbara
9500-105 Ponta Delgada
Tel. 296 20 29 30/31
Fax. 296 20 29 39
Email: museu.cmachado.info@azores.gov.pt
Símbolo de Acessibilidade na Web [D]

SÍTIO WEB OPTIMIZADO PARA:
800x600 e 1024x768
Internet Explorer 6.0 ou superior
Firefox 2.0 ou superior