Canto da Maya

Exposição

Núcleo de Santa Bárbara

A exposição de longa duração apresenta a vida e a produção artística de um dos maiores vultos da escultura açoriana e nacional da primeira metade do século XX. Dividida em núcleos temáticos que expõem a sua génese, formação, consagração internacional, bem como, o seu papel na criação de obras monumentais.

 


A exposição CANTO DA MAYA convoca, por meio do acervo museológico, a vida e a produção artística de um dos maiores vultos da escultura açoriana e nacional da primeira metade do século XX - Canto da Maya (1890 - 1981), do qual a instituição, desde 1976, orgulha-se em dedicar um espaço de divulgação e contemplação de um núcleo fundamental da sua obra, capaz de surpreender pelo dom da ilusão todos aqueles que com ela se confrontam.

Constituída por dez núcleos temáticos que têm por título Génese, Berço da Criação, Debute, Canto e a Grande Guerra (1914-1918), Canto da Maya: A Consagração Internacional, Eros, Tânatos, Os Retratos, A Obra Monumental e Canto e a Dança, a exposição apresenta o percurso e o trabalho artístico de Canto da Maya em diálogo com as tendências a que aderiu, as temáticas prevalecentes e os ideais que norteiam a sua arte.

Trata-se de uma versão alargada da exposição de 2012, enriquecida pela seleção de uma centena de obras do artista, em articulação com reproduções fotográficas, correspondência do escultor, postais ilustrados e objetos pessoais que ainda são pouco conhecidos do grande público.

 

Informações

  • Diretor
  • Duarte Manuel Espírito Santo Melo 

  • Comissária
  • Sílvia Massa

  • Coordenação executiva
  • Sílvia Massa

    com o apoio de Francisco Pimentel (DRaC)

  • Projeto museográfico
  • Francisco Pimentel (DRaC)

Outras Exposições

foto do item

Circuito de História Natural

O Circuito História Natural apresenta uma coleção de base naturalista que foi o alicerce para a fundação do Museu. O circuito distribuído por oito salas expõe a diversidade, o exótico e o saber, onde são abordadas diferentes áreas do conhecimento científico, com destaque para zoologia, geologia, mineralogia, botânica.

 

foto do item

Circuito Memória do Convento

O circuito apresenta as características arquitetónicas dos edifícios conventuais de outros tempos, a diversidade de espaços, as suas dinâmicas e funções, bem como, explora o modo de vida das Clarissas pertencentes ao ramo feminino da Ordem dos Frades Menores, fundada por São Francisco de Assis.

foto do item

Circuito de Arte Sacra

O circuito de Arte Sacra centra-se na antiga Igreja do Colégio, onde a exuberante fachada, a resplandecência do retábulo do altar-mor, bem como, a coleção de azulejos setecentistas assumem-se como um todo, num monumento ímpar de criação barroca. A este integra-se uma galeria com uma coleção diversificada onde se destacam peças quinhentistas, bem como, um valioso espólio de exemplares de temática religiosa.

foto do item

Vida, Modos de Usar

As doações feitas ao Museu Carlos Machado nos últimos 10 anos foram o mote para o tema da mostra, que tem também, como objetivo homenagear os doadores, elogiando o ato de dar numa sociedade baseada na troca comercial, no lucro e no consumo.

foto do item

Domingos Rebêlo

A exposição é um tributo ao pintor Domingos Rebêlo enquanto figura central do panorama artístico açoriano do século XX. A exposição apresenta peças das diferentes fases da evolução da criação do pintor ao longo de quatro décadas, não só a produção de cunho regionalista mas, também, a caricatura, as artes gráficas, a ilustração e a cenografia.